RFID Noticias

Empresa da Austrália adota RFID para gerenciar remessas de minérios

"Trabalhar em torno de equipes de construção civil, elétrica e mecânica é um grande desafio", relata Connell, "mas ainda assim conseguimos completar a execução dentro do prazo."

"O sistema de gerenciamento de tráfego oferece um alto nível de visibilidade ao movimento de veículos para os operadores da sala de controle", diz Connell. "Isso permite o controle dos veículos a cinco quilômetros de distância da entrada do Utah Point e, em seguida, determina o destino do caminhão dentro da instalação, a disponibilidade operacional dos equipamentos da POAGS para descarga do minério e a localização veículos pesados. Entre outros benefícios, esta visibilidade nos permite gerenciar efetivamente a demanda por tempo de serviço, monitorar a demanda por equipamento de descarga e manter as manobras com caminhão dentro de um mínimo necessário".

A aplicação TMS também foi integrada com o sistema de controle central, com o intuito de coordenar o início e encerramento das operações dos equipamentos de descarga da POAGS com o tempo de chegada dos caminhões e para manter a eficiência máxima dos equipamentos em operação. Além disso, a aplicação determina que o caminhão correto esteja diante do local adequado de estoque, permitindo que o veiculo descarregue sua carga sem risco de contaminação.

A POAGS está trabalhando de perto com cada cliente e com a autoridade do porto Port Hedland Port, segundo Connell, e pretende ampliar as capacidades operacionais do TMS e do RFID de acordo com a expansão do porto.