RFID Noticias

Tecnologia combate desperdício de alimentos

A Ocean Mist está usando a tecnologia para automatizar o rastreamento de vegetais frescos de várias regiões produtoras na Califórnia, quando produto é colhido em campos e movido pelo packing house, com o objetivo de maximizar o frescor da mercadoria. A empresa está monitorando os horários em que os produtos são colhidos e resfriados, juntamente com os tempos de permanência em toda a cadeia de fornecimento. Esses dados fornecem à empresa visibilidade sobre condições e status de produção e eficiência operacional.

A Costco Wholesale está usando a tecnologia para rastrear produtos de seus fornecedores da Califórnia até armazéns nas costas oeste e leste. A empresa tem como objetivo obter dados analíticos sobre a cadeia de suprimentos e, assim, identificar maneiras pelas quais pode garantir a atualização ideal do produto que chega às lojas.

Andrea Collins
A Zest Labs, empresa de tecnologia agrícola em San Jose, Califórnia, foi fundada como Intelleflex e depois mudou seu nome para refletir sua marca de produto, Zest Fresh, em outubro de 2016. O sistema usa um protocolo RFID UHF passivo assistido por bateria (BAP) que possui um alcance de leitura mais longo que a RFID passiva e suporta a coleta contínua de dados do sensor.

A temperatura dos alimentos na cadeia de suprimentos afeta diretamente sua vida útil, de acordo com Peter Mehring, CEO da Zest Labs. "A indústria alimentícia tem uma percepção errônea de que tudo colhido no mesmo dia tem a mesma vida útil", explica ele. Um vegetal ou fruta que está atrasado ou incompletamente processado terá um prazo de validade reduzido.