RFID Noticias

Varejista se beneficia de blindagem virtual

Superdry lançou uma solução da Nedap que evita leitura repetida de tags, o que afetava a precisão do inventário

Por Claire Swedberg

31 de julho de 2019 - Ao longo dos últimos dois anos, a empresa de vestuário Superdry adotou uma abordagem estratégica para a implantação da tecnologia RFID, resolvendo problemas relacionados às leituras de tag. E, agora, está se iniciando uma próxima fase: implantar a tecnologia RFID UHF em 200 de suas lojas mundiais este ano.

A empresa testou a tecnologia RFID há alguns anos em um esforço para melhorar a sua precisão do inventário, em seguida, implantou o sistema em 37 lojas. A solução está sendo agora implantada em todos os seus estabelecimentos no Reino Unido. Em 2018, se inscreveu na solução Nedap !D Cloud, que modifica como a tecnologia RFID é usada.

A marca de moda Superdry se concentra em estilos contemporâneos, com uma mescla americana, do vintage a gráficos de inspiração japonesa, com o estilo britânico. Tem 515 lojas em 46 países e opera 21 websites. Como outros varejistas e marcas, a empresa procurou melhorar a precisão do inventário, não apenas para garantir que as mercadorias estivessem nas prateleiras de suas lojas, mas para que pudessem ser encomendadas online e enviadas aos clientes a partir do local mais próximo.

Uma vez implantada a primeira versão de seu sistema RFID, no entanto, a Superdry descobriu que a tecnologia tinha deficiências. Quando liam etiquetas RFID na loja, leituras indesejadas estavam sendo capturadas. Para resolver esse problema, a empresa aplicou a blindagem para evitar leituras erradas e, em geral, para identificar melhor quando os itens eram movidos de um almoxarifado para o chão de vendas.

Mesmo com a blindagem baseada em pintura metálica, o sistema não era confiável. O pessoal reduziu o poder de seus leitores RFID portáteis, o que diminuiu a incidência de leituras indesejadas. Os funcionários precisavam estar muito próximos das tags para lê-las, e isso reduziu o processo de contagem de inventário para cerca de duas horas e meia por loja.