RFID Noticias

Setor chinês de petróleo e gás emprega RFID

Com um melhor entendimento das condições e histórico de cada tubo, a empresa visa a evitar a quebra de seus equipamentos. Manutenção aprimorada significa que os conjuntos de tubos de perfuração normalmente têm um ciclo de vida mais longo, explica Khoo. "Ao usar componentes corretamente mantidos e consertados que agora são rastreados autonomamente", diz, "a CNOOC pode antecipar quando as peças precisarão ser substituídas antes de uma falha, o que pode melhorar significativamente a segurança nas plataformas de perfuração offshore e em terra".

Com dados em tempo real, capturados e analisados pelo software da Xerafy e com processos automatizados de coleta de dados, a empresa conseguiu aumentar a eficiência operacional. Essa visibilidade nos registros do histórico de manutenção de equipamentos reduz a necessidade de estoque adicional, diz Khoo, além de equipamentos desnecessários e custos de manutenção ou reparo.

A Xerafy forneceu solução RFID para a SINOPEC em 2014
Em abril deste ano, a PetroChina começou a instalar a mesma tecnologia em seu campo petrolífero de Xinjiang para rastrear tubulações. Xinjiang é a maior região da China, na fronteira com a Ásia Central, e o campo de petróleo está em um dos ambientes mais adversos do país. A região abriga o K2, a segunda montanha mais alta do mundo, além de três desertos. Dentro desta região está a Bacia de Junggar, no norte de Xinjiang, uma depressão de forma triangular que é altamente assimétrica, com rocha estratificada, íngreme e linhas de falha complexas não contíguas. Qualquer equipamento de perfuração usado na área é altamente propenso a cozimento excessivo, devido à pressão maciça e altas temperaturas

A PetroChina agora está usando RFID em tubulações nesta área para determinar como usar na perfuração e, assim, entender por quanto tempo e quando foram mantidos ou inspecionados. A empresa começou a implantar as tags RFID Dot Wedge da Xerafy, diz Khoo, testando entre 50 e 100 tags no campo petrolífero. Em seguida, começou a dimensionar a instalação para centenas de milhares. As tags Dot Wedge são classificadas como IP68 contra sujeira e fluidos.

As etiquetas foram projetadas para suportar calor e frio extremos, bem como exposição a perfurações e fluidos hidráulicos. Além disso, são resistentes aos raios UV e podem sobreviver à imersão na água do mar. As tags usadas em ambos os projetos são projetadas para suportar as duras condições das implantações do setor de petróleo e gás. Khoo observa que as tags são encaixadas em uma posição similar nas superfícies dos tubos.