RFID Noticias

Etiqueta altera preço com energia de RFID

Quando o dispositivo portátil chega a aproximadamente dois metros, as etiquetas são energizadas com as ondas de RF. Elas enviam uma resposta na forma de ID exclusivo, e o leitor portátil identifica essa tag, transmitindo em seguida instruções para alterar o conteúdo em exibição no papel eletrônico. O computador de mão exibe informações para o usuário sobre quais etiquetas foram atualizadas. Esses dados, se armazenados na nuvem, podem ser acessados pelos gestores da loja.

Algumas lojas estão investigando a opção de usar o sistema com leitores fixos, relata Greene. Por exemplo, vários varejistas já têm leitores fixos instalados em suas instalações e usariam essa infraestrutura existente para atualizar preços nas tags Powercast. No caso dos leitores fixos, observa, o sistema pode ser configurado para enviar dados a uma distância de até 10 metros, enquanto captura de dados e energia suficiente para atualizar a tela do e-paper. O processo levaria 45 segundos.

"A energia física necessária para mudar a tela exigiria um tempo de leitura mais longo", diz Greene, porque a transmissão vem de uma distância maior. Isso pode ser feito fora do horário comercial, como às 2 horas da manhã, explica Greene.

A solução também funciona para outras aplicações além do varejo, como assistência médica. O papel eletrônico - que usa uma tela de matriz ativa - pode exibir palavras e números, para que o leitor possa atualizar informações como, por exemplo, se os suprimentos de uma prateleira ou gaveta exigem reabastecimento. "Cada usuário pode ter seus próprios requisitos de produto" para rótulos, diz Greene, e a Powercast trabalhará com fornecedores de soluções para desenvolver um rótulo específico para cada caso de uso.

Um kit de avaliação da nova etiqueta deve estar disponível no quarto trimestre de 2018, dos distribuidores Arrow Electronics e Mouser Electronics. A Powercast trabalhará com parceiros para projetar suas próprias etiquetas de preços sem bateria usando o chip PCC110 da Powercast, bem como um chip NXP Semiconductors UCODE RFID.

No final deste ano, a empresa pretende lançar um transmissor PowerSpot TX91503 que pode enviar um sinal de RF para um dispositivo, como fones de ouvido ou controladores de jogos eletrônicos, a fim de carregá-lo sem fio a uma distância de até um metro.