RFID Noticias

Varejista da África do Sul aprimora inventário

Quando um funcionário realiza contagens de inventário na loja, usa um leitor de mão AdvanScan. O funcionário simplesmente abre o aplicativo AdvanScan no dispositivo, seleciona um prompt para criar uma nova contagem de inventário e caminha pela loja ou pelo estoque, capturando a identificação dos produtos em prateleiras ou cabides. O leitor encaminha os dados coletados para o software baseado em nuvem através de uma conexão Wi-Fi ou celular, criando assim uma contagem de estoque atualizada.

No ponto de venda, um leitor AdvanPay está instalado abaixo do caixa. Quando um cliente adquire produtos na loja, um funcionário varre a tag de cada produto sobre o leitor, capturando a identificação única de cada tag. Esses identificadores de tags são desativados no software, e as próprias tags, uma vez removidas dos itens, podem ser reutilizadas em outros produtos.

Na saída da loja, a Milestone instalou um leitor de prevenção de perda de despesas AdvanSafe. Se uma pessoa carrega um produto através da porta com uma etiqueta que não foi desativada, o leitor irá capturar o número de identidade dessa etiqueta. O software AdvanCloud irá, em seguida, ativar um alerta sonoro, além de enviar uma mensagem de texto SMS, indicando apenas que algo está sendo removido da loja, identificando o produto. O sistema também exibe uma imagem desse item, e seu status de inventário é atualizado para indicar que não está mais em estoque.

O ganho mais notável do sistema, relata Lourens, tem sido a redução no trabalho de contagem de estoque. "Antes da instalação RFID, uma equipe de seis pessoas levava cerca de dois dias úteis para completar um inventário", diz. "Agora, com a RFID, demora menos de meia hora para completar um inventário".

The House of Busby está considerando a instalação de soluções RFID semelhantes em suas outras lojas. A empresa diz que opera mais de 150 lojas em toda a África do Sul, com mais de 50 nos sete principais shoppings do país.