RFID Noticias

Estudo sobre IoT do governo divulga primeiros resultados

4ª Lição: é preciso investir na formação de recursos humanos

IoT favorece criação de empregos

Vincular as políticas públicas de aumento da capacidade do setor à oferta de oportunidades de emprego

Programadores mirins

Introdução de Tecnologia da Informação, habilidades de informática e programação desde o ensino fundamental

Conectar universidade e indústria

Os governos tomam medidas para abrir e ampliar canais de cooperação entre indústria e universidade

Promoção de eventos da indústria

Organização de workshops, conferências e treinamentos em tópicos específicos relacionados a IoT

5ª Lição: é preciso regulamentar três temas chave, mas ainda não há um consenso sobre como

Padronização – um dos maiores desafios de IoT é permitir que os dispositivos se comuniquem entre si independentemente de quem ou onde foram feitos. Alguns países estimulam padrões abertos, outros, a adoção de padrões globais ou definidos pelo mercado.

Conectividade – o grande número de dispositivos vai exigir uma infraestrutura complexa. Alguns governos desenvolvem infraestrutura local (EU, JP, KR). Outros têm trabalhado para a formação de plataformas globais (UK, CH, SG).

Privacidade e segurança – em todos os países estudados há consenso de que é necessário criar mecanismos para evitar acesso não autorizado, mau uso de dados pessoais e ataques aos sistemas. Porém, os governos ainda têm avançado em ritmos diferentes na aprovação de leis e na criação de instituições responsáveis por sua aplicação.

O relatório completo pode ser baixado no site do BNDES (clique aqui para fazer o download).