RFID Noticias

Werner monitora caminhões em cadeia do frio

A RT 6000+ pode transmitir e receber dados por uma rede celular ou através de satélites Orbcomm. A Werner escolheu o serviço de comunicações cell-network-only para os dispositivos instalados dentro de seus caminhões. Outros clientes, como Walmart, por exemplo, se inscreveram em serviços de comunicações por celulares e satélites. A unidade confere os dados de potência e temperatura da refrigeração, enquanto um sensor de combustível separado se estende desde o RT 6000+ ao tanque de combustível do caminhão.

No mês passado, a Orbcomm anunciou a aquisição da InSync Software, que oferece uma solução de rastreamento de ativos com tecnologia RFID . A aquisição adicionará benefícios aos clientes da InSync e Orbcomm, segundo Eisenberg, e expandirá a equipe de engenharia da Orbcomm.

Eisenberg vê tais aquisições como um fator importante para o sucesso da sua empresa. "O ativo número um da Orbcomm", afirma, "são 220 engenheiros que podem construir e personalizar qualquer coisa". Expandir os serviços pra toda frota, tanto de tamanhos e unidades, acrescenta, requer "um alto grau de personalização" para atender às diferentes necessidades dos clientes.

A Orbcomm possui e opera satélites de monitoramento em órbita terrestre baixa (LEO), localizados a cerca de 400 quilômetros acima do solo. Posicionado em órbita baixa, os satélites "vêm" as antenas terrestres de diferentes ângulos, ao contrário dos geoestacionários que sempre aparecem no mesmo lugar no céu e são, portanto, mais frequentemente bloqueados por obstáculos aéreos. Há 26 satélites Orbcomm OG1 em uso, mas a empresa lançou seis de seus novos satélites OG2, que podem processar seis vezes mais dados do que o OG1 e tem planos para lançar mais 11 até o meio do ano.