RFID Estudos de Caso

Maior empresa de mídia da Índia adota RFID em sua nova sede

A aplicação tem um console que exibe continuamente os movimentos dos ativos capturados, de todos os 36 leitores fixos. "Qualquer movimento não autorizado é destacado para uma melhor visualização e tomada de medidas imediatas", explica Kannan.

Dados capturados são processados para identificar os movimentos de ativos, tanto autorizados como não autorizados. "Enquanto um alerta é disparado para quaisquer movimentos irregulares", descreve Kannan, "o outro conjunto de dados é usado para produzir diferentes tipos de análise de gestão e relatórios", tais como a utilização de ativos e notificações sobre itens perdidos, incluindo os equipamentos transferidos para diferentes andares sem a devida autorização.

Também durante esta fase, a TV marcou todos os seus bens e enviou informações sobre esses itens a um banco de dados Microsoft SQL Server 2008.

Na fase final, os técnicos fiscalizaram a aplicação de estado estacionário. A Sun TV realizou treinamento intensivo com vários grupos de usuários em toda a organização, para que eles pudessem se familiarizar com os novos processos.

Um desafio técnico que a Sun TV teve de enfrentar, quando o sistema já estava operacional, foram os enormes volumes de dados gerados pelos leitores implantados nos postos de controle. A empresa instalou e configurou um serviço de mensagens do servidor Microsoft BizTalk para filtrar e validar os registros antes de serem enviados ao banco de dados.

A implantação completa foi inaugurada durante o primeiro trimestre do ano passado. A Sun TV não revela quanto custou para implantar o sistema nem fornece informações sobre o retorno sobre o investimento (ROI), mas relata uma série de benefícios.

Entre os benefícios está uma melhoria de 25% na disponibilidade de equipamentos e um aumento correspondente a 25% na utilização de recursos. A rastreabilidade confiável de ativos assegura agora que os itens podem estar disponíveis a usuários imediatamente, confirmando assim que não se perca tempo no uso de ativos.

A Sun TV fez grandes investimentos em ativos técnicos, incluindo equipamentos de transmissão, sistemas de edição e câmeras de alta qualidade

Além disso, a Sun TV relata uma redução de 30% no ciclo de pedidos de emissão para equipamentos e mídias digitais, já que os itens são agora mais fáceis de localizar. A empresa também reduziu seus custos operacionais para o gerenciamento de tráfego de veículos em 60%, por meio da redução de pessoal de segurança e a sobrecarga relacionada.

O processo de auditoria de ativos da Sun TV pode agora ser conduzido sem interromper as operações e o tempo necessário para realizar este processo foi reduzido de uma semana para seis horas, uma tarefa trabalhosa para ser feita manualmente, considerando que há cerca de 10.000 equipamentos e 75.000 mídias. "Com o atual cenário usando RFID", diz Kannan, "as auditorias podem ser iniciadas por qualquer local e o paradeiro de ativos é imediatamente conhecido".

Antes da implantação de RFID, a Sun TV tinha registrado todas as compras de equipamentos em grandes quantidades na aplicação de compra de seu SAP, plataforma corporativa de planejamento de recursos (ERP). Agora, afirma Kannan, todos os novos ativos são etiquetados e registrados em um grupo de gestão de ativos. Todos os detalhes relevantes de itens individuais são capturados e o ciclo de vida de cada ativo é iniciado.