RFID Artigos

Identificação e localização das coisas para o sucesso de IoT

Esses dados de identificação e localização são essenciais para que as organizações aproveitem os benefícios da internet das coisas (IoT), inclusive na indústria, analisando os dados gerados pelos dispositivos para controle e tomada de decisões.

Na Taggen Soluções IoT, empresa na qual sou diretor técnico, desenvolvemos uma solução completa de rastreabilidade RTLS, robusta e acessível, baseada no Taggen Beacon, um dispositivo 100% brasileiro, homologado pela Anatel, que utiliza a tecnologia Bluetooth Low Energy para transmitir sua localização a um servidor em nuvem.

O sistema permite ainda que os equipamentos com tag anexados possam ser localizados por celulares comuns, mesmo quando fora do ambiente empresarial. Essa solução permite que integradores e desenvolvedores de sistemas possam criar inúmeras soluções de rastreabilidade interna em seus clientes. Por exemplo, um de nossos parceiros está realizando um piloto de rastreamento de equipamentos hospitalares na UTI de um grande hospital no Estado de São Paulo.

O Taggen Beacon foi desenvolvido em parceria com a EMBRAPII CPqD e trabalha com padrões de mercado criados pela Apple (Apple iBeacon) e Google (EddyStone). Uma versão do produto com sensores integrados estará disponível em 2018.

Para rastreabilidade de ativos de baixo custo, a Taggen trabalha também com tags passivos RFID, que dispensam a necessidade de contato direto do objeto com leitores como acontece com o código de barras, trazendo grande agilidade ao processo de inventário. A cena de um rapaz realizando inventários e o controle de estoque de forma manual será coisa do passado.

A tecnologia de radiofrequência (RFID) já é utilizada há muito mais tempo como tecnologia de comunicação, identificação e localização, cujos custos tem se tornado mais acessíveis e contribuído para sua popularização, especialmente após o advento das etiquetas passivas, que não possuem bateria própria ou transmitem sinais, mas cujos dados são identificados por leitores.

Os beacons e tags RFID podem ser instalados em qualquer tipo de ativo, como equipamentos de TI, mobiliário, eletrodomésticos, em equipamentos hospitalares e industriais etc. São tecnologias de localização IoT que agregam mais inteligência, possibilitam a redução de perdas, otimização de investimentos, o aprimoramento da prestação de serviços. Acreditamos que mais setores e empresas poderão utilizar essas tecnologias para explorar os benefícios da IoT em suas atividades.

Mário Prado é engenheiro de Computação pela Universidade de São Carlos e CTO da Taggen Soluções IoT.