RFID Noticias

Alien lança tag fina e leitores para Windows Mobile

O inlay passivo EPC UHF SlimLine é a tag mais fina da companhia; e os novos leitores ALH-9010 e ALH-9011 operam sobre a plataforma Microsoft Windows Mobile

Por Claire Swedberg

2 de outubro de 2012 - Para quem não encontra uma tag RFID passiva EPC UHF fina o suficiente para suas aplicações, a Alien Technology lançou uma alternativa. A tag SlimLine (ALN-9745), disponível como “dry inlay” (sem camada de adesivo) ou como “wet inlay” (com camada de adesivo), pretende ser suficientemente fina para colocar na lombada de um livro ou ao lado de um telefone móvel.

A versão “dry inlay” inclui os chamados alvos de alinhamento (pontos em cada lado da antena, usados por algumas máquinas de implantação para alinhamento ótico do “RFID die”). Porém, se os alvos são desnecessários e podem ser ignorados, reduz-se assim o comprimento da incrustação de 5,8 milímetros (0,23 polegadas) para 3,05 milímetros (0,12 polegadas). O “dry inlay” mede 94,0 milímetros (3,7 polegadas) de largura. O “wet inlay” (que inclui uma camada inferior de adesivo e um revestimento feito por transferência térmica de película branca de impressão) mede 9,0 milímetros por 97,2 milímetros (0,35 polegadas por 3,83 polegadas).

O inlay SlimLine está sendo testado por empresas na América do Norte, Ásia e Europa. Simultaneamente, a Alien está lançando a próxima geração de seus leitores portáteis da série ALH-9000. Os novos dispositivos de mão são os modelos ALH-9010 e ALH-9011, que operam com o sistema operacional Windows Mobile 6.5 para telefones móveis, da Microsoft. Os primeiros handhelds da Alien, os modelos ALH-9000 e ALH-9001, lançados em abril de 2011, empregam o sistema operacional Windows CE 5.0.

O inlay RFID passivo EPC Gen 2 SlimLine (ALN-9745), da Alien Technlogy, usa chip Higgs-4 e suporta 128 bits de memória do usuário

O lançamento dos novos tag e leitores, de acordo com Neil Mitchell, diretor de marketing da Alien Technology, reflete o crescimento continuado do mercado RFID, bem como o compromisso da empresa com os produtos que vende, ou seja, as séries ALH de handhelds e o chip Higgs-4, usados na tag SlimLine.

O inlay SlimLine é projetado para usuários finais que, até agora, tiveram dificuldade para encaixar tags UHF em produtos que desejam rastrear. A nova solução tem como objetivo permitir a marcação de livros, produtos farmacêuticos, maços de cigarros e outros itens estreitos. Os clientes já estão testando as tags, segundo Mitchell, incluindo uma empresa na Ásia, que, para fins de teste, aplicou as tags em cada página de um livro e depois fez a leitura do livro fechado, conseguindo capturar todos os IDs. "As tags estão oferecendo desempenho elevado", afirma, observando que o chip Higgs-4 permite alcance de leitura de até 33 pés (10 metros).