RFID Noticias

Adolescentes Turcos "Curtem" RFID no Festival Rock'n Coke

O sistema apresenta tags passivas de 13.56 MHz e leitores que permitem às pessoas que vão ao festival se conectar com suas páginas do Facebook, com a primeira implantação ocorrendo em um evento patrocinado pela Coca-Cola da Turquia.

14 de setembro de 2011 - Por Claire Swedberg

Baseadas no sucesso de um sistema de identificação por radiofrequência testado no festival turco de música ao ar livre Rock'n Coke em ligar os presentes a suas páginas do Facebook, as duas empresas que desenvolveram a solução estão agora tornando-a disponível comercialmente para outros espaços também. O sistema, conhecido como Share@Site, emprega tecnologia RFID para permitir ao frequentador do festival "curtir" as atrações em sua página do Facebook. O sistema foi fornecido pela promotora de festivais Promart Promotion para o promotor do evento, Pozitif, em cooperação com a empresa de RFID BilPark. A infraestrutura de hardware e software da BilPark, coletivamente conhecida como SNoRFID (Rede Social em RFID), está sendo fornecida sob o nome do produto Share@Site.

O festival Rock'n Coke, patrocinado pela Coca-Cola da Turquia, aconteceu no campo aéreo Hezarfen, em Istambul, em Julho de 2011, e incluiu música, esportes, artesanato e programas sociais para adolescentes. O evento tenta satisfazer os jovens e apresenta não só atividades sociais, mas também acesso a redes sociais. Como tal, o sistema SNoRFID foi desenvolvido para permitir que os frequentadores do festival se conectem com o Facebook e promovam mais ainda o evento entre os seus amigos do Facebook.

A BilPark forneceu 38 de seus leitores RT44 M, especialmente projetados para o sistema Share@Site. Os aparelhos operam em 13.56 MHz, e estão em conformidade com o padrão ISO 14443. Dez dos interrogadores foram colocados dentro das barracas de registro, na entrada do festival, enquanto os outros 28 foram instalados nas áreas de atividades, alimentação e música. Na maioria dos casos um leitor era afixado em cada tenda ou local patrocinado. "Mas para áreas maiores, nós usamos dois ou três", diz Onder Sonugur, sócio-gerente da BilPark. Esses locais maiores incluíam o palco principal e as áreas de acampamento e restaurante do local.

Aproximadamente 40.000 visitantes receberam pulseiras de silicone, projetadas para o evento pela Promart Promotion, feitas com chips RFID da NXP Semiconductors. A tag em cada pulseira armazenava um número de identificação único. Conforme os visitantes passavam pelo processo de registro eles recebiam uma pulseira. De acordo com Burak Arcan, sócio-gerente da Promart, o número de identificação da tag da pulseira era ligado ao login (um endereço de e-mail) e senha do Facebook do usuário, assim permitindo que dados fossem transmitidos para a página do Facebook desse indivíduo.

Cada visitante simplesmente entrou com seu login e senha na tenda de registro, e então encostou no leitor RFID com sua pulseira. Esse indivíduo foi então requisitado para aceitar os "termos e condições" descritos no terminal de display da tenda e pressionar "Terminar". Os dados enviados eram diretamente encaminhados para a página de login seguro do Facebook, em vez de para o software de registro do festival. O software armazenava apenas um "token especial" — um identificador único gerado pelo Facebook, usado para associar o visitante à sua página do Facebook.