RFID Noticias

Coca-Cola dos EUA aumenta vendas em 10% com IoT

Os resultados do piloto mostraram um aumento de vendas de até 10% por refrigerador. Como resultado, a empresa de bebidas agora está ampliando ainda mais o programa. O objetivo é conectar 300 mil refrigeradores até o final deste ano, de acordo com Fiorenza, mas esse número pode chegar a 400 mil nesse período. A Coca-Cola HBC encaminhou todas as perguntas para esta história à Atos.

Cada cooler é equipado com um par de câmeras sem fio alimentadas por bateria, além de um sensor BLE e sensores de temperatura. As duas câmeras são montadas na parte superior da porta do refrigerador para capturar alterações no planograma de inventário (o diagrama usado para estocar as prateleiras). As imagens da câmera são encaminhadas para o software Codex, que analisa essas imagens e fornece métricas do painel baseadas na nuvem, como falta de estoque, áreas de prateleira não utilizadas, venda por unidade de manutenção de estoque (SKU) e conformidade com o planograma. A solução também pode emitir alertas para pedidos de reposição.

A Coca-Cola HBC é uma das maiores engarrafadoras da empresa em todo o mundo
Os sensores são conectados na parte de trás de cada refrigerador e nas câmeras. Sensores de temperatura, luz e vibração detectam não apenas se um resfriador específico está mantendo a temperatura adequada, mas também com que frequência sua porta abre e fecha, e quando o refrigerador é movido.

O sistema emprega comunicação por celular (GPRS, 3G, 4G ou LTE), transmitindo de volta a um servidor, enquanto o gateway vem com uma capacidade de armazenamento offline de até 16 semanas de dados. Quando os dados são coletados pelo gateway, uma ponte de celular para comunicação em tempo real é estabelecida entre o gateway e o software Microsoft Azure Cloud.