RFID Noticias

Artigo: Tarifa Branca dissemina uso da IoT no Brasil

O consumidor de energia elétrica pagará tarifas diferenciadas em função da hora e dia do uso, quando os leitores estiverem preparados para a Internet das Coisas

Por Ronaldo Vieira

22 de março de 2018 - O ano de 2018 começou com uma boa notícia. Com a chegada da Tarifa Branca ao Brasil, o consumidor de energia elétrica passa a ter a possibilidade de pagar valores diferentes em função da hora e do dia da semana: a Tarifa Branca é mais barata fora do horário de pico e mais cara durante esse período.

Segundo a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), o consumidor doméstico ou corporativo que adotar o modelo Tarifa Branca poderá economizar de 10% a 20% na conta de luz. Para que esse ganho seja possível, estão entrando em cena novos medidores de energia, dispositivos IoT (Internet of Things) que informarão online, real time, qual é o consumo de uma casa ou empresa. A visibilidade e a exatidão que a IoT traz às distribuidoras de energia são fundamentais para que a Tarifa Branca seja implantada e a cobrança pelo uso da energia seja correta.

Clique aqui e leia o artigo na íntegra.

  • « Anterior
  • 1
  • Próximo »