RFID Noticias

Como entender bebedores de cerveja

Pub utiliza RFID para compreender os hábitos de consumo de seus clientes e, assim, comercializar as bebidas mais populares

Por Claire Swedberg

9 de fevereiro de 2018 - Quando o pub Pacific PourHouse abrir na Califórnia em breve, terá um sistema inovador: a cerveja self-service, usando a identificação de radiofrequência (RFID) que permitirá aos clientes beber cerveja por autoatendimento. O restaurante e bar estarão entre os mais recentes negócios a incorporar a tecnologia RFID UHF para permitir aos clientes um maior controle sobre as cervejas que compram, bem como quanto. No caso do Pacific PourHouse, os dados coletados pelo sistema permitirão adaptar suas ofertas com base em dados demográficos e interesse dos usuários. No futuro, a empresa pretende oferecer programas de fidelidade para clientes frequentes.

Ao oferecer uma parede de cerveja de autoatendimento, a casa espera não só colocar a torneira de cerveja nas mãos de seus clientes, proporcionando maior autonomia, mas também prevenir o consumo excessivo de álcool. A solução baseada em RFID foi fornecida pela iPourIt.

Deb Dutta, CEO da Pacific PourHouse, diz que a empresa oferece a segunda parede de cerveja de autoatendimento no Vale do Silício - e a primeira que serve como peça central para um novo negócio. Enquanto alguns restaurantes estão adicionando paredes de cerveja aos bares existentes, explica Dutta, "o nosso é o contrário". Uma vez que o pub está recém-criado, acrescenta, "nós podemos construir nossos negócios em torno da parede de cerveja self-service".

No entanto, a iPourIt observa que a maioria das suas instalações está em novos estabelecimentos. O negócio, nota Dutta, também inclui uma oferta de alimentos e serviço completo, para que os clientes possam receber serviços pessoais ao selecionar, encomendar e receber suas refeições, mesmo ao fazer amostragem e selecionar cervejas. De acordo com Dutta, a Pacific PourHouse atenderá a uma base jovem e tecnicamente experiente de clientes que não só se sentem confortáveis com tecnologia, mas também desfrutam de cervejas artesanais.