RFID Noticias

RFID reforça plataforma para gerir ativos

Solução baseada em RFID UHF automatiza coleta de dados sobre inventário e ativos em áreas de manufatura, armazenagem e centros logísticos

Por Claire Swedberg

5 de janeiro de 2018 - Uma fábrica de móveis está testando uma solução baseada em identificação por radiofrequência (RFID) da Radley Corp., empresa de soluções para gerenciamento de cadeia de suprimentos, nos Estados Unidos, para gerenciar melhor seus processos de montagem, identificando automaticamente quais componentes estão sendo inseridos e em quais produtos. Duas outras empresas estão atualmente em discussões para adotar esta solução RFID também, afirma a Radley.

Os testes sinalizam os primeiros casos de uso da nova funcionalidade RFID da Radley como parte de sua plataforma de software para gerenciamento de manufatura e logística. A empresa fornece sua plataforma aos fabricantes há várias décadas, para ajudá-los a gerenciar seus processos de montagem e armazéns.

A Radley fornece software de manufatura desde 1974. Nos últimos dez anos, a empresa expandiu-se para a gestão e logística de armazéns, além de integrar dados de máquinas de montagem em sua plataforma unificada. Agora, diz Kevin Cammet, vice-presidente da Radley, a empresa está usando hardware RFID e os dados capturados de cada etiqueta lida alimentam o software. "A RFID serve como a próxima extensão para coletar dados", afirma.

Tradicionalmente, empresas como os clientes da Radley empregaram uma variedade de aplicações para gerenciar detalhes como a localização e status de ativos, o trabalho em andamento (WIP) e o gerenciamento de inventário. A Radley tem se concentrado na integração, de modo que os detalhes sobre a montagem e a saúde dos equipamentos se baseiam nos dados dos sensores e são incorporados na solução. As varreduras de código de barras também podem ser coletadas e usadas na plataforma de software da Radley para fornecer dados acionáveis.

Nos últimos anos, a empresa testou a RFID UHF para determinar se essa tecnologia seria acessível e eficaz para seus clientes. Um fabricante de móveis atualmente testando a tecnologia usa RFID para rastrear seu WIP. Uma etiqueta é colocada em cada componente e cada tag está vinculada no software aos dados relativos a um componente individual.

À medida que um produto se move através de estações de trabalho de montagem, a etiqueta em cada componente é lida e está vinculada ao produto que está sendo montado. Se o componente não corresponder aos requisitos do produto, um alerta pode ser exibido para o operador no piso da montagem ou ser enviado aos gestores.