RFID Noticias

NXP identifica tendências globais para o varejo

Aqui estão as principais tendências na identificação de radiofrequências para o mercado varejista, de acordo com a NXP Semiconductors

Por RFID Journal Brasil

7 de agosto de 2017 - Enquanto a economia sob demanda levou muitas lojas físicas a declinar, a NXP Semiconductors informa que os serviços de omnichannel continuam a crescer. O gerenciamento inteligente da cadeia de suprimentos com capacidades avançadas de rastreamento e monitoramento habilitado pelo RAID RFID suporta comunicações NXP de curto e longo alcance e estão capacitando os varejistas a abordar uma infinidade de novos casos de uso.

Em combinação com a interação entre consumidor e mercador, a NXP diz que as tags Near Field Communication (NFC) são cada vez mais adotadas como elementos-chave das estratégias de interação e fidelidade do consumidor. As funcionalidades da loja interativa, as soluções de verificação de marca e o pagamento sem contato com os smartphones NFC também estão ganhando força como parte integrante da experiência de compra do consumidor.

Aqui estão as principais tendências globais em RFID para o mercado de varejo, de acordo com NXP:

Tendência 1: os varejistas estão abraçando a RFID para aprimorar a experiência de compras do consumidor inteligente
Os vestiários das lojas estão equipados com espelhos inteligentes para ajudar e melhorar a experiência de compra. Os espelhos inteligentes leem tags RFID RAIN de mercadorias e exibem os itens em uma tela sensível pelo vidro do espelho, enquanto um mecanismo de recomendação exibe acessórios correspondentes, como sapatos ou bolsas.

Ao permitir a interação entre clientes e assistentes de compras, ou comentários de amigos pelas mídias sociais, os espaços inteligentes podem atender às demandas dos clientes que percebem a conectividade inteligente como um aprimoramento natural da experiência de compra. Alguns varejistas high-end, como Ralph Lauren e Rebecca Minkoff, creditaram aos vestiários interativos um aumento de 30% nas vendas, relata a NXP.

Tendência 2: os varejistas estão alavancando RFID RAIN para o gerenciamento de cadeia de suprimentos inteligente omnichannel
Com o advento da economia sob demanda, os processos multicanais e o comércio de varejo omnichannel aumentaram consideravelmente para atender à necessidade de informações precisas sobre estoque e localização de bens. De acordo com a NXP, as lojas físicas estão aproveitando o software de análise preditiva que permite a otimização de processos e permite que os varejistas reconheçam o potencial de vendas para introduzir departamentos novos e especiais de cliques e coleções na loja.

A fim de alimentar tais soluções e transformar Big Data em dados inteligentes, os varejistas estão utilizando a tecnologia RFID RAIN, pois fornece dados precisos em tempo real para análise de software. Alguns varejistas descobriram que o gerenciamento inteligente da cadeia de suprimentos ajuda a maximizar as ações no mercado de clientes competitivo. Por exemplo, a varejista de esportes Decathlon relatou que suas vendas aumentaram 2,5% com a visibilidade melhorada sobre o estoque. Além disso, a Macy's informou que reduziu os custos de inventário em US$ 1 bilhão como resultado de sua implementação RFID.

Tendência 3: os varejistas estão integrando soluções RFID RAIN para monitorar produtos perecíveis
Para os varejistas de alimentos, relata a NXP, levar os produtos do armazém para as prateleiras no momento certo antes da expiração da validade é um desafio. Essas empresas muitas vezes não possuem uma visão precisa da durabilidade dos bens perecíveis no inventário. Isso resulta em resíduos desnecessários no valor de US$ 162 bilhões anualmente, bem como riscos para a saúde e impactos ambientais. De acordo com um estudo da indústria, um varejista de US$ 10 bilhões pode reduzir as perdas em até US$ 60 milhões por ano por meio de um efetivo gerenciamento de produtos.

Para maximizar as economias, os varejistas de alimentos estão realizando testes em larga escala de soluções RFID RAIN, incluindo tecnologias de rastreamento e detecção para monitorar níveis de temperatura e umidade. Essas soluções permitem que distribuidores, empresas de logística e atacadistas localizem suas ordens online em tempo real. Em combinação com etiquetas de prateleiras eletrônicas, os revendedores poderão reagir às datas de validade com preços reduzidos ou fazer campanhas de vendas gerais diretamente visíveis aos clientes.

Tendência 4: interação aprimorada do consumidor e pagamento sem contato via smartphones com NFC continuarão a ganhar espaço
Os produtos para o ecossistema de varejo incluem chips de leitores que permitem que os smartphones leiam tags NFC e estabeleçam uma conexão Internet das Coisas, bem como chips de leitura no ponto de venda que permitem pagamentos sem contato seguros através de smartphones ou cartões de pagamento. De acordo com a NXP, o pagamento sem contato é cada vez mais visto, tanto por clientes como por parceiros de varejo, como parte integrante de uma experiência de compra perfeita.

  • « Anterior
  • 1
  • Próximo »