RFID Noticias

Tecnologia leva roupas de esqui a novo patamar

A Spyder está testando a tecnologia Near Field Communication em alguns de seus casacos para se relacionar com consumidores

Por Claire Swedberg

6 de janeiro de 2017 - Nos últimos meses, os compradores de jaquetas U.S. Ski Team (USST) da marca Spyder Active Sports puderam usar a tecnologia Near Field Communication (NFC) para acessar informações sobre as roupas, a equipe de esqui e o local para praticar o esporte. A Spyder está testando o sistema, com uma etiqueta NFC embutida em cada casaco, para determinar quanto os consumidores gostam de receber suas informações. A solução permite que os consumidores acessem o conteúdo dos produtos na loja ou em casa, tocando seu smartphone ou tablet NFC no logotipo da Spyder nas jaquetas. Eles podem então ir a sites de mídia social, como YouTube, Twitter e Instagram, além de visualizar informações sobre a USST, condições de locais de neve, mapas de trilhas e eventos regionais.

A Spyder, operada pela Global Brands Group, fornece vestuário em todo o mundo e foi patrocinadora da Equipe de Esqui dos EUA por 27 anos, diz Julia Hansen, presidente e CEO da Spyder Active Sports. Começando com seu primeiro suéter de esqui acolchoado em 1978, ela diz que a Spyder tem se esforçado para fornecer inovação tecnológica, juntamente com moda e funcionalidades.

Julia Hansen
"Estamos sempre à procura de potenciais experiências de consumo que sejam exclusivas da Spyder", diz Hansen. As marcas raramente oferecem vestuário de atleta ou equipe autênticos, ao mesmo tempo em que fornecem tecnologia que abre diálogo com esses atletas, explica. "Os nossos consumidores são uma extensão da marca, e a capacidade de melhorar a sua experiência com os nossos atletas [da equipe de esqui] é inestimável".

A empresa decidiu recentemente testar a NFC em uma pequena linha de produtos e planeja expandir o uso da tecnologia se for bem recebida pelos consumidores nesta temporada de esqui. "A coleção de NFC da Equipe de Esqui dos EUA é um pequeno sortimento de jaquetas que nos permite testar e determinar como poderíamos empregar essa tecnologia em outras categorias", diz Hansen.

A solução consiste em uma tag Smartrac Dura NFC, baseada em tag NXP Semiconductors NTAG213, bem como no software Smartrac Smart Cosmos Platform e CX, através de uma parceria com a empresa de soluções de marketing móvel Blue Bite, diz Corey Wilson, vice-presidente de desenvolvimento de negócios globais da Smartrac. Os usuários não precisam de um app para interagir com a tag NFC - apenas um tablet ou telefone com um leitor NFC incorporado.

Quando um usuário toca seu smartphone numa tag, o leitor captura o número de ID exclusivo, solicitando que o telefone acesse a página web da Spyder. Lá, o indivíduo pode acessar informações sobre o USST e seus membros, e ver dados específicos sobre a localização do usuário, tais como condições de esqui. Após a compra do casaco, o usuário pode registrá-lo para fins de autenticação e garantia, tocando o telefone contra a etiqueta e selecionando os prompts fornecidos no site. O cliente também pode ver informações históricas de compra e encomendar vários produtos.