RFID Noticias

Estudo de Caso: Cidade rastreia licenças de construção

A cidade norte-americana de Fort Lauderdale, na Flórida, monitora documentos, economizando tempo e melhorando o atendimento ao cliente

Por Barb Freda

28 de dezembro de 2016 - Quando Mark Leibowitz começou a trabalhar como analista de gestão em 2014 na Fort Lauderdale's Building Services division (Divisão de Serviços para Edifícios de Fort Lauderdale), que é parte do Departamento de Desenvolvimento Sustentável (DSD), havia montanhas de papel no serviço. Durante um determinado mês, a DSD emitiu mais de 2.000 autorizações e realizou mais de 6.000 revisões de pedidos de licenças para planos grandes, com duas cópias. As licenças, diz ele, não se movem em linha reta pelo processo de aprovação. Os arquivos são puxados para revisões adicionais ou outras situações, às vezes várias vezes à medida que avançam pelo pipeline.

Dependendo do tipo de licença, diz Leibowitz, pode precisar ser revisada por funcionários em 10 diferentes seções dentro do DSD. E cada um tem vários revisores, o que pode dificultar a localização física de cada pedido de licença em tempo hábil.

Clique aqui e leia o Estudo de Caso na íntegra.

  • « Anterior
  • 1
  • Próximo »