RFID Noticias

Estudo de Caso: Grupo francês rastreia plasma sanguíneo

A solução RFID melhorou os processos de controle e de produção dos derivados de sangue da empresa biofarmacêutica LFB

Por Bob Violino

3 de setembro de 2015 - A LFB é um grupo biofarmacêutico francês que desenvolve, fabrica e comercializa medicamentos biológicos. Estes medicamentos, que são comercializados em mais de 40 países, são usados sob prescrição hospitalar para tratar doenças graves e muitas vezes raras.

A divisão LFB Biomédicaments é a sexta maior do mundo no campo dos medicamentos derivados de plasma sanguíneo. A fábrica da LFB em Les Ulis, França, recebe plasma da Agência de Sangue Francesa (Etablissement Français du Sang, or EFS) para fracionamento, um processo que separa os vários componentes da substância, permitindo assim o fabrico de medicamentos. A EFS recolhe cerca de 10.000 doações de sangue diárias e é responsável pela segurança da cadeia de transfusão sanguínea.

Clique aqui e leia o Estudo de Caso na íntegra.

  • « Anterior
  • 1
  • Próximo »