RFID Noticias

Bosch relaciona trabalhadores a peças e estações de trabalho

Fábrica alemã desenvolveu a solução para melhorar a eficiência e a precisão de sua unidade de montagem de válvulas hidráulicas

Por Claire Swedberg

28 de agosto de 2015 - A Bosch Rexroth, fabricante de unidades e comandos elétricos, aumentou a produtividade e reduziu o volume de estoque, integrando a tecnologia de identificação por radiofrequência (RFID) à sua linha de montagem em Homburg, Alemanha. Ao empregar uma solução RFID híbrida com beacon Bluetooth, desenvolvida internamente, a empresa também tem feito a produção de várias centenas de variantes de válvulas hidráulicas mais eficientes e menos propensas a erros.

A nova solução de linha de montagem, em operação desde 2014, reconhece o trabalhador em cada estação de trabalho e os componentes do item que está sendo montado, além de enviar instruções apropriadas para o trabalho. O sistema também monitora quantos componentes estão sendo usados, acionando assim o reordenamento das peças, conforme necessário. A empresa está também comercializando a tecnologia para outros fabricantes.

A solução envia instruções para cada funcionário em sua estação de trabalho, com base nos componentes do item a ser montado
A Bosch Rexroth, uma divisão da Bosch Group, faz produtos para os setores automotivo, incluindo hidráulica, comandos elétricos, controles, tecnologia de câmbio, movimento linear e tecnologias de montagem. A fábrica Bosch Rexroth, em Homburg, produz mais de 200 tipos diferentes de válvulas hidráulicas, de acordo com as necessidades dos seus diversos clientes.

Andreas Jenke
Até o ano passado, essas 200 variações de válvulas foram fabricadas em três linhas de montagem paralelas. Como os lotes de produção são geralmente pequenos, a empresa deve estar pronta para fazer qualquer uma das variantes com pouca antecedência, o que significa que devem manter um estoque disponível de 2.000 componentes diferentes para a variedade de pedidos. Além disso, os trabalhadores tinham de identificar cada tipo de válvula a ser feita de acordo com instruções de papel. Neste processo, os relatórios da empresa eram lentos e geravam potenciais erros.

A solução adotado utiliza RFID de alta frequência (HF) e Bluetooth, concebida para relacionar trabalhadores a produtos e máquinas durante o processo de montagem. A Bosch Rexroth se refere ao sistema como uma solução de Indústria 4.0 – parte de uma iniciativa pública e privada para trazer máquinas e Internet em conjunto e, assim, permitir fábricas mais inteligentes (leia mais em A RFID é a base da Indústria 4.0). A empresa utiliza o seu próprio hardware RFID e desenvolve software para Internet das Coisas (IoT), que reside em um servidor baseado em nuvem privada, que gerencia e armazena dados obtidos com RFID e Bluetooth, capturados no chão de fábrica, bem como exibe dados apropriados para os trabalhadores.