RFID Noticias

Quer pedir uma pizza? Bata três vezes na parede

A Clapper lançou as bases da automação doméstica. Agora, uma startup Texas afirma que desenvolveu um sistema IoT melhor contra falhas e mais versátil

Por Mary Catherine O'Connor

21 de agosto de 2015 - Se você passou algum tempo na frente da televisão, nos Estados Unidos, nas últimas décadas do século 20, você pode muito provavelmente cantar o jingle da Clapper, um interruptor elétrico ativado pelo som de bater palmas. Talvez você ainda tenha um. Acontece que o produto ainda se encontra no mercado. Na verdade, está atualmente entre os quatro melhores dispositivos de automação doméstica da Amazon.

No entanto, o Clapper ganhou recentemente um novo concorrente: o Knocki. Em vez de responder a sons de palmas, o Knocki usa um acelerômetro para detectar vibrações, transmitidas por uma pessoa que bate em uma parede ou bancada perto do dispositivo. O conceito é de Internet das Coisas (IoT). Uma única batida desperta a unidade, que, em seguida, atende a um dos vários padrões predefinidos pelo usuário do aplicativo Knocki para smartphones e tablets iOS ou Android, ou pelo site da Knocki. Um algoritmo de execução no microcontrolador do dispositivo interpreta o padrão de batidas, antes de acionar o comando para o qual foi combinado quando o utilizador inicia o dispositivo. "As vibrações que são irregulares não serão desencadeadas pelo Knocki para fazer nada", garante Jake Boshernitzan, co-fundador da Swan Solutions, baseada no Texas e criadora do Knocki. "Então você não precisa se preocupar com um caminhão pesado passando por um buraco pela rua ou crianças batendo na mesa da cozinha".

O Knocki usa um acelerômetro para detectar vibrações transmitidos através de uma pessoa que bate em uma parede ou bancada perto do dispositivo
Um usuário que tende a perder seu telefone móvel dentro da casa, por exemplo, pode criar uma unidade Knocki para disparar um alarme de áudio em seu telefone sempre que bater uma vez para despertar o dispositivo e, em seguida, três vezes, rapidamente, na parede ou bancada. O Knocki pode detectar com segurança uma batida a poucos metros na madeira ou drywall, diz Boshernitzan, mas materiais mais densos, como granito ou mármore, têm um alcance mais curto. Ou talvez um solteirão estabeleceria um sinal de uma batida, uma pausa e mais três, para acionar o seu smartphone para pedir uma pizza por meio de um app de restaurante. O algoritmo garante que as vibrações aleatórias, como um caminhão pesado passando ou uma porta batendo, não irão acionar o Knocki, explica Boshernitzan.

O Knocki vem com algumas funções pré-definidas e os usuários podem empregar interfaces de programação de aplicativos (APIs) através do site da Knocki ou aplicativo móvel para permitir que o dispositivo controle alguns produtos domésticos feitos pela Wemo, Insteon e Philips Hue. De acordo com Boshernitzan, os usuários Knocki também serão capazes de configurar funções personalizadas usando o software If This Then That.

O dispositivo funciona com pilhas AA, com um ano de vida sob uso regular. Ele se comunica através de uma conexão Wi-Fi, o que significa que um usuário não precisa contar com um smartphone para configurar ou programar o Knocki. Em vez disso, pode fazê-lo por navegador da Web em execução no seu laptop ou tablet PC.