RFID Noticias

Royal Caribbean usa RFID em seu novo navio

Os passageiros do Quantum of the Seas usam pulseiras que permitem pagar alimentos, bebidas e serviços, além de destrancar portas

Por Claire Swedberg

7 de novembro de 2014 - Quando o mais novo navio de cruzeiro da Royal Caribbean International, o Quantum of the Seas, fez sua viagem inaugural em 02 de novembro, os passageiros foram recebidos com diversos recursos baseados em RFID, incluindo pulseiras "WOWband", com RFID de alta frequência (HF) passiva, que podem ser usadas para desbloquear portas de seus camarotes e fazer compras a bordo. O navio também utiliza etiquetas de bagagem RFID, que permitem aos hóspedes localizar suas malas com seus telefones celulares.

O Quantum of the Seas, o terceiro maior navio de cruzeiro do mundo, ficará baseado em Bayonne, Nova Jersey, durante a sua temporada inaugural (2014-2015). Com 1.142 metros de comprimento, o navio inclui 2.090 cabines de passageiros, 16 decks e apresenta várias novas tecnologias. Por exemplo, os passageiros podem acessar quiosques Royal iQ, com RFID, (assim como um aplicativo em seus smartphones) para conferir as atualizações relacionadas aos eventos que estão programados na viagem.

No Quantum of the Seas, os passageiros podem usar pulseiras RFID passivas WOWband para destrancar as portas de seus camarotes e fazer compras a bordo
A Royal Caribbean estabeleceu uma meta para um máximo de 10 minutos do check-in dos passageiros do Quantum of the Seas, que já terá criado um cartão de embarque online, incluindo identidade com foto. Ao embarcar, os clientes continuam o processo de check-in inteligente com exames de código de barras de um cartão de embarque ID que foi enviado para a sua casa antes do cruzeiro.

Os membros da equipe anexam uma tag RFID UHF para cada item de bagagem e com um número de identificação exclusivo relacionado ao passageiro e seu número de cabine, por um computador de mão MC9190-Z leitor fornecido pela Motorola Solutions (agora parte da Zebra Technologies). Quando as malas são movidas na área de recepção a bordo do navio, o pessoal lê as tags, a fim de atualizar seu status. O bagageiro interroga as etiquetas UHF quando começam a ser transportadas para os quartos dos passageiros e, uma última vez, quando são depositadas no quarto. Os hóspedes podem baixar o aplicativo de rastreamento para monitorar os movimentos de sua bagagem e receber atualizações de status, como "check-in", "a bordo", "em trânsito" e "entregue".