RFID Noticias

Bluetooth traz Elvis de volta a Graceland

Os visitantes da casa do Rei do Rock recebem iPads que exibem fotos, vídeos e outros conteúdos sobre cada local dentro da mansão, emitidos por beacons

Por Claire Swedberg

23 de setembro de 2014 - Graceland, a propriedade de 13,8 hectares em Memphis, que foi a casa de Elvis Presley e é agora uma atração turística, começou a usar beacons Bluetooth Low Energy (BLE) para trazer dados baseados em localização aos iPads cedidos aos visitantes. Com a solução, os usuários podem ver vídeos e imagens relacionadas a cada sala ou local do museu. Desde que o sistema foi lançado no mês passado, a visita auto-guiada oferece conteúdo nunca antes disponível, como fotos de Elvis em cada local em que um visitante caminha, bem como uma lista de compras exibida na cozinha.

Graceland abriu ao público em 1982. Durante sua primeira década de operação, a equipe do espólio escolta visitantes pela mansão em visitas guiadas. Em meados da década de 1990, Graceland começou a oferecer um leitor de áudio digital que os visitantes podiam levar com eles durante uma visita auto-guiada, a fim de aprender sobre a mansão de Elvis. No entanto, o museu buscou uma maneira de fazer o passeio mais pessoal para os fãs interessados em conectarem-se com o rei. Diversos vídeos e fotos tirados dentro e ao redor da mansão durante a vida de Elvis, começaram a precisar de uma tecnologia que tornasse possível levá-los aos visitantes do local.

Com o lançamento da tecnologia de beacons, diz Kevin Kern, diretor de relações públicas de Graceland, o museu não só oferece o mesmo conteúdo fornecido pelo player de áudio digital, mas também, com base na localização de um visitante determinada por meio das transmissões de beacon, uma enorme quantidade de outros conteúdos.

Graceland instalou cerca de 50 beacons movidos a bateria ao redor da mansão, cada um ligado a um conteúdo específico da sala ou local onde fica. O museu testou uma variedade de beacons BLE antes de selecionar a marca e modelo do dispositivo em uso agora. Kern, no entanto, não quis indicar qual marca e modelo foram os escolhidos.

Antes de fazer um passeio, o visitante recebe um iPad, juntamente com a opção de fornecer seu endereço de e-mail, o que permite ao indivíduo receber conteúdo sobre o museu e suas exposições no futuro. O convidado, em seguida, entra em uma sala com o tablet habilitado a receber o número ID transmitido pelos beacons e com software fornecido pela Unified Field, que exibe conteúdos, como uma imagem de 360 graus da sala onde se está. O usuário pode selecionar uma ou mais para ver vídeo, fotografias ou outros conteúdos, que podem incluir uma foto de Presley sentado no sofá no mesmo quarto em que o indivíduo está ou imagens filmadas na sala de jantar.