RFID Noticias

InfoChip lança aditivo que melhora sinal de antena

Quando ligado a um leitor de alta frequência padrão ou a um smartphone com NFC, o Sniper favorece a leitura até de etiquetas muito pequenas

Por Claire Swedberg

24 de maio de 2013 - A InfoChip Systems desenvolveu uma solução que garante não apenas tornar possível a leitura de tags muito pequenas de alta frequência por meio de leitores de HF padrão, mas também realizar leituras por meio de um telefone celular. A solução utiliza um pequeno adaptador de antena, conhecido como Sniper, que pode ser adaptado a um telefone celular ou na parte traseira de um leitor portátil. O dispositivo converge os sinais de RF dispersos, aumentando assim o nível de potência para ativar uma resposta.

"O sistema Sniper pode tornar possível a leitura de tags a partir de smartphone com Near Field Communication (NFC)", diz Chris Gelowitz, presidente e CEO InfoChip Systems. "Ou por um leitor portátil de 13,56 MHz HF, que também poderia ter uma conexão Bluetooth para um laptop, celular ou tablete".

O Sniper acima está conectado à parte traseira de um celular Samsung com NFC

A InfoChip faz etiquetas muito pequenas e robustas de RFID HF, em conformidade com a norma ISO 15693, que são normalmente associadas a objetos metálicos para uso no campo, tais como equipamentos de petróleo e gás. As tags foram ficando cada vez menores, segundo a empresa. Por exemplo, o HF InfoChip DuraPlug inicialmente media 12 milímetros. A versão de 8 milímetros já foi lançada e um modelo de 4 milímetros está previsto para estrear ainda este ano.

As tags são projetadas para atender as necessidades dos casos de uso mais críticos, de acordo com a InfoChip, e a maioria dos usuários (cerca de 12 milhões de tags da empresa foram vendidas desde o seu lançamento em 2007) as utilizam para rastrear equipamentos de elevação, tais como correntes e ganchos. As tags são incorporadas a um buraco perfurado dentro do ativo a ser rastreado, normalmente com um oitavo de uma polegada de profundidade.

Embora a tag seja pequena e durável e o processo de incorporação evite danos, a etiqueta também pode ser difícil de ser lida usando um interrogador padrão. A InfoChip fabrica leitores especializados que podem realizar as leituras, com uma transmissão muito focada. No entanto, em muitos casos, os clientes têm leitores HF padrão, de empresas como Psion Teklogix, Ecom Instruments, Socket Mobile ou Wireless Dynamics.

O Sniper, medindo 2 polegadas por 1,5 polegadas, pode ser anexado na parte de trás da antena do leitor através por uma fita de fecho duplo, da 3M (Dual-Lock fastener tape). O Sniper é um dispositivo passivo, segundo Gelowitz, que portanto não exige fonte de energia para funcionar. O aparelho converte um sinal de RF disperso para um foco único, de modo semelhante a um funil que concentra o fluxo de água. Gelowitz afirma que notou que um telefone NFC também seria capaz de interrogar as marcas, desde que a transmissão fosse concentrada com um dispositivo assim.

A empresa está projetando um Sniper para ser conectado diretamente nas capas protetoras que muitos consumidores compram para seus telefones. Ele também pode ser aplicado diretamente ao telefone.