RFID Noticias

SML Group anuncia novas tags e centro de produção

A empresa baseada em Hong Kong abriu uma nova fábrica nos EUA e lançou três novos inlays RFID EPC, projetados para codificação rápida e leitura eficiente

Por Claire Swedberg

14 de fevereiro de 2013 - O SML Group Ltd. abriu um novo centro de produção de inlay, nos Estados Unidos (EUA), para produzir três novos inlays para identificação por radiofrequência (RFID). Os chips foram projetados para permitir o rápido crescimento dos negócios da empresa no fornecimento de etiquetas RFID para a indústria de vestuário. As três novas etiquetas RFID EPC Gen 2 de UHF apresentam antenas destinadas a tornar as tags mais sensíveis à leitura e também mais rápidas para codificar, permitindo ao SML Group codificar milhões de tags em um curto espaço de tempo, em seus escritórios de serviços em todo o mundo.

O Maze inlay, fabricado com um chip G2iL, da NXP Semiconductors, mede 68 milímetros por 14 milímetros e tem uma sensibilidade de -16 dBm (decibéis por miliwatts). Com uma antena relativamente longa, este modelo foi desenvolvido para uso em produtos densos.

Novas etiquetas RFID EPC UHF, do SML Group

Os inlays GB1 e GB2 vêm com um chip Monza 5, da Impinj. A versão GB1 mede 50 milímetros por 30 milímetros, tem uma sensibilidade de -17 dBm e é projetada para aplicações de etiquetas de médio porte, tais como as de camisas ou blusas.

O modelo GB2, com menor inlay, de 40 milímetros por 15 milímetros, foi concebido para artigos que requerem pequenas etiquetas, tais como sapatos, com uma sensibilidade de -13 dBm, um pouco menor do que a dos outros dois inlays. As versões Maze GB1 foram testadas e aprovadas pelo RFID Research Center, da University of Arkansas. O GB2 ainda não foi testado.

Todos os três inlays foram projetados para atender ao rápido crescimento da RFID na cadeia de fornecimento de varejo de vestuário, diz Philip Calderbank, vice-presidente do SML Group. O novo centro de produção, que abriu no mês passado, ajudará a empresa a atingir dois objetivos: aumentar a sua produção de etiquetas EPC para a indústria de vestuário e desenvolver projetos inovadores para etiquetas incorporadas, como etiquetas para uso em joias e cosméticos. Todos os projetos são gerenciados a partir da sede da empresa em Hong Kong.