Notas do Editor

O maior risco ao implantar um sistema de RFID

Depende do tipo de projeto, mas para implantações em qualquer área da empresa, o que mais importa não é a tecnologia em si

Por Mark Roberti

6 de agosto de 2012 - Eu recebi um email interessante de um leitor, na semana passada, que dizia: "Não há dúvida de que o controle de inventário em tempo real seria de grande benefício para o varejo. Eu estou interessado em saber mais sobre as limitações e os riscos de implantação de um sistema RFID".

Existem riscos na implantação de qualquer nova tecnologia. Com a identificação por radiofrequência, acho que você precisa distinguir entre uma solução pontual, que resolve um problema específico, e uma abordagem para toda a empresa, na qual a RFID seja implantada como infraestrutura para capturar um grande volume de novas informações e tratar uma variedade ampla de questões operacionais.

Com uma solução pontual, os riscos tendem a ser relacionados com a tecnologia. Algumas empresas adotam a tecnologia errada para um problema específico, possivelmente devido a maus conselhos de um integrador de sistemas inexperiente. Outras empresas escolhem a tecnologia correta, mas por uma razão ou outra, esta não funciona em suas instalações (poucas empresas realizam uma pesquisa do local apropriado antes de implantar).

Se uma empresa recebe tudo certo e o sistema RFID resolve o problema particular que estava esperando para resolver, não há geralmente problema nenhum, exceto quando o sistema não pode ser expandido para outras aplicações.

Mas isso não ocorre em implantações para empresas inteiras. Nestas implantações, você enfrenta os mesmos problemas envolvidos na escolha da tecnologia certa, a realização de um levantamento adequado do local e de gerenciamento da expansão do sistema para outras aplicações. De longe, porém, o maior risco em uma implantação em larga escala é a gestão de mudança.

Há empresas que escolheram a tecnologia correta, fazem o a pesquisa de ambiente direito e implantam o sistema RFID com sucesso, mas sem alcançar os benefícios desejados, porque não conseguiram gerenciar a mudança.