Notas do Editor

Contrate profissionais certificados

O RFID Professional Institute está ajudando empresas a ter funcionários para projetos de RFID que têm o conhecimento necessário

Por Mark Roberti

20 de dezembro de 2017 - Durante os últimos 16 anos de cobertura de identificação por radiofrequência (RFID), ouvi falar de várias implantações que deram errado. Isso geralmente acontece porque uma empresa com pouco ou nenhum conhecimento de RFID contrata um integrador de sistemas que trabalhou com códigos de barras por anos e afirma saber como implantar RFID – mas, na verdade, não tem a experiência necessária.

A RFID e os códigos de barra são muito diferentes, e quando uma implantação inevitavelmente falha, o profissional diz que a tecnologia é ruim. Uma maneira de evitar isso é contratar profissionais certificados pela RFID Professional Institute ou usar integradores de sistemas que tenham técnicos certificados em sua equipe [Aqui no Brasil, o RFID CoE, em Sorocaba (SP), fornece treinamento e certificação profissionais. O certificado é concedido em parceria com a GS1 Brasil].

O que é o RFID Professional Institute? É uma organização sem fins lucrativos lançada há cinco anos por um grupo de profissionais da indústria que queria substituir a certificação RFID+ da CompTIA, que saiu do mercado em 2011. Eu sou um dos diretores fundadores do instituto e atuei como presidente por dois anos.

O Instituto criou o certificado RFID Associate para garantir que o seu titular tenha conhecimento fundamental da RFID - ou seja, entenda as diferentes frequências, protocolos e padrões, como a RF se comporta em diferentes situações e como os diferentes tipos de RFID são aplicados. Aqueles que se tornam certificados são questionados sobre os regulamentos básicos que regem os sistemas RFID, juntamente com outros conhecimentos que são essenciais para quem trabalha em um projeto RFID.

A RFID4U recentemente executou um curso de treinamento de certificação de um dia em Londres, em conjunto com o RFID Journal LIVE! Europa. Onze pessoas fizeram o exame. Sete passaram e três com distinção. A RFID4U também ofereceu treinamento em conjunto com o evento RFID Aeroespacial e Defesa, enquanto outro grupo de usuários e provedores de soluções foram certificados.

É importante notar que a taxa de reprovação do exame do instituto é maior que a do exame CompTIA, no qual 96% dos participantes eram aprovados. O exame atual é difícil, pois queremos mostrar que aqueles que detêm o certificado têm conhecimentos sólidos.

O instituto está atualmente trabalhando em um exame para nível profissional que determinará se alguém possui o conhecimento necessário para analisar o caso de negócios para uma implantação, determinar o tipo certo de sistema RFID para usar e, em seguida, implantar e solucionar problemas. Isso deve dar às empresas usuárias finais a confiança de que, quando contratam um Profissional Certificado pelo Instituto RFID, estão com alguém que pode gerenciar uma implantação de RFID - e que, quando contratam um integrador de sistemas com Profissionais Certificados na equipe, podem ter certeza de que a empresa tem o conhecimento necessário para implantar uma solução bem-sucedida.

Aqueles que doaram muitas horas ao longo dos últimos cinco anos para desenvolver esses exames acreditam que o trabalho do instituto é fundamental para promover o profissionalismo na indústria de RFID e garantir que as empresas não invistam em projetos que não conseguem executar. O próximo curso de treinamento será realizado no RFID Journal LIVE! 2018, em 10 de abril, e o exame será em 11 e 12 de abril. Convido você a se inscrever e se certificar ou se concentrar na contratação de candidatos certificados.

Mark Roberti é o fundador e editor do RFID Journal.

  • « Anterior
  • 1
  • Próximo »