RFID Estudos de Caso

Indústria pesada adota solução de RFID e se livra da papelada para gerenciar cadeia de suprimentos

A EBSE terceirizou o controle de chegada, saída e manutenção de peças e equipamentos com a Technotag, em um projeto para a gigante do setor de petróleo e gás SBM do Brasil

Por Edson Perin

16 de dezembro de 2011 - Inovação é a palavra-chave da EBSE - Engenharia de Soluções para adotar a tecnologia de identificação por radiofrequência (RFID – Radio Frequency IDentification) em seu projeto para a gigante do setor de petróleo e gás SBM do Brasil, em um projeto que se destina à Petrobras. “Não temos ainda números para dizer o quanto economizamos ou ganhamos em eficiência, porque o projeto é ainda muito recente”, diz Paulo Roberto Pereira Vallado, gerente executivo da Unidade de Serviços da EBSE. “O que já posso garantir é que nos livramos de um monte de papéis para controlar os nossos materiais na cadeia de suprimentos e isso também resultou em agilidade”.


Canteiro de obras da EBSE: indústria pesada controla materiais e equipamentos com RFID


A EBSE contratou a Technotag, empresa que desenvolve, projeta e comercializa soluções móveis com o uso do RFID, depois de dois meses de discussão da proposta de automação da cadeia de suprimentos. “Queríamos que eles participassem da recepção de todos os produtos, até a hora que cada módulo fabricado sair para a fabricação do navio”, segundo Vallado. A Technotag teria de armazenar o histórico de material e de equipamentos da obra, além dos dados sobre a manutenção das partes.

“Apostamos na Technotag. Apesar de nunca terem feito este tipo de serviço, o que foi um desafio para eles, tem dado bons frutos”, avalia Vallado. “Ainda é prematuro dizer se está sendo bom ou ótimo. Até agora posso dizer que o atendimento tem sido muito bom. Além disso, se eu não contratasse a Technotag, teria de ter alguém para cuidar do antigo processo com planilhas de Excel. Teria de gerar um documento para cada produto ou equipamento”, atesta Vallado, dizendo que o RFID fez a EBSE se livrar da papelada.